Category Archive: NOVOS ESCRITORES

Alguém devia inventar a privacidade

by

Uma ideia de um milhão de dólares. Um aplicativo, o revolucionário, um que sane as grandes carências da humanidade. Sigilante, o aplicativo que retorna sua privacidade amada em 24h. “Uma beleza essa ideia!… Continue reading

Meia Insônia

by

Imagine, abra a porta da geladeira Pensa, pensa, Come chocolates e ignora a metafísica Fecha, olha o calendário Quando vai chegar a risada da tragédia de ontem? De onde virá o próximo imã?… Continue reading

Todo dia

by

Desculpa se eu só consigo rimar dor com flor. Eu sempre travo e me enrolo todo quando invento de falar dessas coisas de amor. E me perdoa se eu for meio chato, sem… Continue reading

Lucidez já de outrora

by

Aquela não era a primeira vez. Não havia nada de novo naquilo. De tão costumeiro o processo, tudo se dava de forma mecânica e banal. O dinheiro, sempre separado antes que as duas… Continue reading

Billy Rat’s Finger e a menina que sonhava demais

by

Era mais um na sequência de dias infinitos. Ana Maria se levantou sem vontade. Ninguém ligava para vontades, só se dessem dinheiro. Colocou um macacão jeans  e uma camiseta listrada, algo que parecia… Continue reading

Ruas

by

Paulistana de alma,Corpo e concretoDispara, se atrasaE faz festaEntre listras e rodas,Confessa sua pressaCorre, anda, pedala, remaMais rápido, mais forteMas olha!O palhaço…A sanfona…Pára.

Pensando na vida

by

A juventude sempre foi o palco da discórdia. Questionamos o que nos é e foi imposto por pessoas que chegaram primeiro, pensamos antes de acordar em nossos sonhos se a realidade que nos… Continue reading